Roquette & Cazes

CASTAS
O vinho Roquette & Cazes 2016 foi feito com uvas das castas Touriga Nacional (60%), Touriga Franca (25%) e Tinta Roriz (15%).

COLHEITA
2016

ÁLCOOL
14,5%

VITICULTURA E ENOLOGIA
Todas as uvas são vindimadas manualmente e provêm exclusivamente da sub-região do Cima Corgo e da sub-região do Douro Superior. À chegada da adega, passam na mesa de escolha onde é feita uma seleção minuciosa; posteriormente são desengaçadas, suavemente esmagadas e transferidas para cubas de fermentação em inox de formato troncocónico, onde iniciam a fermentação alcoólica com temperatura controlada. Durante o processo de fermentação é utilizada a técnica francesa “délestage” que, quando efetuada em cubas de formato trococónico, tem como objetivo principal aumentar a superfície de contacto pelicular no momento em que o mosto/vinho é lixiviado por cima das massas (chapéu). Como resultado obtém-se um vinho concentrado e complexo, que respeita a elegância e foge à rusticidade.

ENVELHECIMENTO
O vinho Roquette & Cazes 2016 estagiou em barricas de carvalho francês, onde permaneceu cerca de 18 meses.

ENÓLOGOS
Daniel Llose (Château Lynch-Bages) e Manuel Lobo (Quinta do Crasto).

NOTAS DE PROVA
Cor: violeta carregada.
Nariz: muito envolvente no nariz, onde conseguimos encontrar elegantes notas de florais, muito bem integradas com frutos vermelhos.
Boca: inicia a prova de boca de forma elegante, evoluindo rapidamente para um vinho de grande solidez, onde encontramos um excelente volume e uma estrutura compacta, composta por taninos frescos de textura polida. Termina harmonioso e muito persistente.

SUGESTÕES DE SERVIÇO
Servir a uma temperatura de 16-18 ºC com pratos de carne e caça, seja na grelha ou no forno, e com cozinha regional italiana.

PRÉMIOS

ROQUETTE & CAZES 2017
Revista Adega – Artigo «Douro Primeira Prova – Os melhores brancos, tintos e portos da safra 2017» – 93 Pontos (Maio de 2019)

ROQUETTE & CAZES 2015
International Wine And Spirit Competition (IWSC) 2019 – Medalha de Bronze
Concurso Vinhos de Portugal 2019 – Medalha de Prata (Maio de 2019)
Revista de Vinhos – 17,5 Pontos (Janeiro de 2019)
Jornal Público / Suplemento Fugas – 95 Pontos (Novembro de 2018)

ROQUETTE & CAZES 2014
International Wine And Spirit Competition (IWSC) 2017 – Medalha de Prata
International Wine Challenge (IWC) 2017 – Medalha de Prata

ROQUETTE & CAZES 2013
Concurso Vinhos de Portugal 2016 – Medalha de Prata (Maio de 2016)

ROQUETTE & CAZES 2012
RobertParker.com Wine Advocate – 90 Pontos (Novembro de 2015)
JancisRobinson.com – 17,5 Pontos (Junho de 2015)
Concurso Vinhos de Portugal 2015 – VINIPORTUGAL (Maio de 2015) – Medalha de Prata

ROQUETTE & CAZES 2011
RobertParker.com Wine Advocate – 92 Pontos (Novembro de 2015)
Concurso Vinhos de Portugal 2014 – VINIPORTUGAL (Maio de 2014) – Medalha de Prata

ROQUETTE & CAZES 2007
Wine Spectator – 91 Pontos (por Kim Marcus, 2012)
RobertParker.com Wine Advocate – 92 Pontos (Outubro de 2015)
6.ª Edição do Concurso Top Ten – EXPOVINIS 2011, Brasil
» Vencedor do Concurso Top Ten 2011 na categoria “Tinto Velho Mundo”.
Concurso Nacional de Vinhos 2011 – Prémio Ouro

ROQUETTE & CAZES 2009
Wine Spectator – 87 Pontos
Robert Parker – 84 Pontos

ROQUETTE & CAZES 2008
Wine Spectator – 88 Pontos
Robert Parker – 85 Pontos

ROQUETTE & CAZES 2007
Wine Spectator – 91 Pontos por Kim Marcus (2012)
6.ª Edição do Concurso Top Ten – Expovinis 2011 Brasil
» Vencedor do Concurso Top Ten 2011 na Categoria “Tinto Velho Mundo”
Concurso Nacional de Vinhos 2011 – Prémio Ouro

ROQUETTE & CAZES 2006
International Wine Review – 94 Pontos (Dezembro de 2010)
Revista de Vinhos – 17 Pontos (Agosto de 2010)

Copyright - Quinta do Crasto, 2016